Setor de serviços apresenta seu primeiro avanço de 2018

O setor de serviços registrou crescimento de 1% em abril, perante o mês anterior, na série com ajuste sazonal, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Trata-se da primeira alta dos serviço prestados no país neste ano e o melhor resultado desde dezembro de 2017 (+1,2%).

            O dado reforça a percepção de que a atividade econômica acelerava no início do segundo trimestre, antes da greve dos caminhoneiros.

            O avanço ocorre após recuo de 0,2% do setor em março, frente a fevereiro — dado divulgado no mês passado e que não sofreu alteração após revisão.

            Quando comparado a abril de 2017, os serviços cresceram 2,2%. Nos quatro primeiros meses deste calendário, o setor ainda recua 0,6%. Nos 12 meses até abril, os serviços prestados diminuíram 1,4%. Essas taxas já foram, contudo, mais negativas no passado.

            O IBGE informou ainda que a receita nominal do setor cresceu 0,9% na passagem de março para abril. Frente a igual mês de 2017, houve alta de 4,6%. A receita nominal avança 1,9% no ano e 2,9% em 12 meses.

            Desde a semana passada, os indicadores de atividade do IBGE vêm surpreendendo positivamente. A produção industrial cresceu 0,8% frente a março, o dobro do previsto pelo mercado (+0,4%). O varejo restrito avançou 1%, acima das expectativas (+0,4%). (do Valor Econômico)

Comentários
Sem comentários ainda. Seja o primeiro.